Quarta, 14 de Abril de 2021 01:43
22 99890-3597
Educação Justiça

Rio retoma aulas presenciais após imbróglio na justiça

Secretário de Educação garante que as escolas da rede municipal estão preparadas para receber os alunos

07/04/2021 10h28
33
Por: Redação Fonte: O Dia
Rio retoma aulas presenciais após imbróglio na justiça

Depois do imbróglio na justiça, entre a Prefeitura do Rio e um grupo formado por vereadores e deputados estaduais, enfim as aulas presenciais foram retomadas na capital fluminense. Cerca de 500 unidades de ensino, entre creches e escolas públicas e particulares foram reabertas nesta quarta-feira (7), segundo a Secretaria Municipal de Educação. 

Mesmo com a decisão da justiça, dando parecer favorável à Prefeitura do Rio, a movimentação na entrada das escolas foi baixa na parte da manhã. Alguns pais, ainda desconfiados, optaram por colocar seus filhos na sala de aula.

A auxiliar de ensino Hellen, de 30 anos, acompanhou a filha até a entrada da Escola Municipal Miguel Couto, em Olaria, mas reclamou da confusão gerada essa semana. 

"Está tudo muito confuso. Uma hora pode trazer e outra hora não pode. As crianças reclamam dentro de casa, querem estudar, mas a gente espera a decisão final. o que a gente ensina é o que elas precisam ter todo cuidado na escola. O vírus ainda está aqui, então todo cuidado se faz necessário", disse

Quem também reclamou da briga judicial foi a dona de casa Shyrlei, de 37 anos, que levou a filha para o primeiro dia de aula após a pausa emergencial de dez dias. 

"Isso gera um prejuízo enorme, as crianças são as que mais sofrem com tudo isso. Esse volta não volta atrapalha a vida de todo mundo. Sabemos dos riscos que os professores correm, mas a educação é a base de tudo. É voltar com todo cuidado para evitar a contaminação", ressaltou a dona de casa. 

A SME garante que as 419 unidades da rede municipal estão preparadas para receber os alunos. Todas passaram por um processo de sanitização. O secretário de Educação do Rio, Renan Ferreirinha, disse que a retomada das aulas presenciais é autorizada pelo Comitê Científico montado pela prefeitura. Representantes do Sindicato Estadual dos Profissionais da Educação (Sepe) não concordam com o retorno presencial das aulas. Dione Lins, coordenadora geral do Sepe reafirma que os professores da cidade do Rio estão em greve e que o sindicato nunca consultado pela Secretaria Municipal de Educação para discutir o retorno presencial nas salas de aulas.

"Tem muita gente assustada com o número de mortes que só aumenta. A vacina já está aí, não custa aguardar mais um pouco", diz a coordenadora. ESPECIALISTA DIZ QUE MOMENTO NÃO É O IDEAL

A pesquisadora em saúde da UFRJ e membro do comitê de combate ao coronavírus da UFRJ, Chrystina Barros, afirma que ainda não é o momento certo para a retomada das aulas presenciais. Elas detalha quais são os cuidados necessários a serem tomados.

Esse é o pior momento da pandemia. Infelizmente não é hora de retomar algumas atividades, mas buscamos entender a necessidade da educação. Com esse retorno, é importante que a família tenha consciência dos riscos. Primeiro ponto: se qualquer pessoa tiver algum tipo de sintoma de gripe, que seja diferente do dia a dia, precisa ser isolada com urgência. Ela não deve frequentar a escola. Essa consciência é muito importante. Da mesma forma, a escola precisa garantir a vigilância epidemiológica. Notificar qualquer caso e certificar se as medidas cobradas para evitar a propagação do vírus estão sendo tomadas". 

BRIGA DA JUSTIÇA  O prefeito Eduardo Paes anunciou na semana passada a retomada das aulas presenciais depois da pausa emergencial para conter o avanço da Covid-19. Apesar da crescente no número de mortes e contaminados, o chefe do executivo municipal disse que o parecer para a volta dos alunos foi dado pelo Comitê Cientifico formado pela prefeitura. 

No domingo (4), vereadores e deputados enviaram à justiça um ato popular pedindo a suspensão das aulas nas escolas do município. O juiz Roberto Câmara Lace Brandão, do Plantão Judiciário, concedeu a liminar favorável na noite do mesmo dia. Menos de 24 horas depois, juíza titular da 2ª Vara da Fazenda Pública Georgia Vasconcellos da Cruz, manteve a decisão, após a prefeitura recorrer. Na terça, o presidente do Tribunal de Justiça do Rio, desembargador Henrique Carlos de Andrade Figueira, atendeu ao pedido da prefeitura e derrubou a liminar que impedia a presença das crianças nas escolas.

Figueira citou no novo documento que a prefeitura do Rio estava respaldada na ciência e que “os pais podem escolher se deixam ou não seus filhos frequentarem as aulas”.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Rio de Janeiro - RJ

Rio de Janeiro - Rio de Janeiro

Sobre o município
Rio de Janeiro é um município brasileiro, capital do estado homônimo, situado no Sudeste do país.
Barra de Macaé - RJ
Atualizado às 01h30 - Fonte: Climatempo
24°
Poucas nuvens

Mín. 19° Máx. 28°

24° Sensação
11.2 km/h Vento
76.4% Umidade do ar
90% (8mm) Chance de chuva
Amanhã (15/04)
Madrugada
Manhã
Tarde
Noite

Mín. 19° Máx. 28°

Sol e Chuva
Sexta (16/04)
Madrugada
Manhã
Tarde
Noite

Mín. 18° Máx. 27°

Sol e Chuva
Anúncio
Anúncio
Anúncio
Anúncio