Segunda, 18 de Janeiro de 2021 00:47
22 99890-3597
Geral Polícia

Corpo encontrado carbonizado em Carapebus

Pode ser de cuidadora sequestrada junto com idosa em Macaé

05/01/2021 12h34
346
Por: Redação Fonte: Clique Diario
Corpo encontrado carbonizado em Carapebus

Um corpo carbonizado foi encontrado abandonado na reserva de Jurubatiba, próximo à Lagoa de Carapebus, na manhã desta terça-feira (5). Ele estava próximo à um veículo Palio, também carbonizado e que pertence a uma das vítimas do sequestro ocorrido no último dia 25, em Macaé. A princípio, o cadáver pode ser da Rayane Silveira dos Santos, de 32 anos, vítima que se encontrava desaparecida desde o ocorrido. Agentes da Guarda Municipal isolaram a área e estão aguardando perícia e Corpo de Bombeiros para remoção. A Polícia Militar informou que enviou uma viatura para o local.

O sequestro

 

Na manhã do último dia 25, a idosa Antônia Maria Pontes Nogueira, de 77 anos e sua cuidadora Rayane, seguiam para Quissamã quando foram abordadas por criminosos armados. As duas estavam em um Palio Weekend de cor prata e placa “KPE9675”. Rayane é natural de São Fidélis e estava morando há cerca de 15 anos em Macaé, onde trabalhava na casa da idosa.

O irmão de Rayane, Emerson Santos, contou que as duas teriam sido abordadas na estrada de Carapebus, onde há um pequeno desvio, onde só passa um carro por vez. Os criminosos teriam parado o carro que usavam na frente do veículo em que estavam as vítimas. A idosa foi levada juntamente com os bandidos dentro do carro e Rayane foi colocada no porta-malas.

Antônia foi encontrada ferida no dia seguinte, dia 26, na estrada de Macabuzinho, distrito de Conceição de Macabu. Ela chegou a ser levada a uma unidade hospitalar de Macaé, onde morava, mas já havia recebido alta. No dia 2 de janeiro, a idosa faleceu, mas a causa da morte não foi divulgada. Ela teve dinheiro, joias e outros pertences roubados. Antônia, que foi espancada durante o sequestro, havia sido encontrada ferida no dia 26 n

Emerson contou ainda que recebeu informações de que durante a ação, os criminosos teriam amarrado sua irmã em uma área de mata, conhecida como Maitaca, em Carapebus. Ele esteve no local, vasculhou a área, mas não encontrou nenhum vestígio. A Polícia Militar também fez buscas em algumas estradas da região de Carapebus e Quissamã, mas Rayane Silveira dos Santos e o carro que as vítimas estavam seguem desaparecidos. O último contato feito por Rayane foi no dia do sequestro.

De acordo com o advogado, ela enviou um áudio por um aplicativo de mensagens dizendo que estava no porta-malas do veículo. “Informações iniciais dão conta que a vítima teria sido levada para o município vizinho de Quissamã ou Conceição de Macabu, mas não descarto estar também em Macaé. Se você tiver qualquer informação que possa levar a localização de Rayane Santos, entre em contato, ainda que anonimamente, com a 123ª Delegacia de Polícia Civil de Macaé, através do telefone, (22) 2791-4019”, dizia a publicação feita pelo advogado.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.