O pente-fino do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) aponta que 1,7 milhão de segurados apresentaram algum indício de irregularidade para o recebimento dos benefícios da Previdência Social. O instituto começou a notificar essas pessoas nesta semana.

Quem receber a carta, terá que apresentar novamente os documentos que embasaram a concessão do benefício. Os segurados terão 60 dias para enviar a documentação solicitada, preferencialmente pelo site ou aplicativo Meu INSS. Também é possível regularizar a situação em uma das agências do INSS, desde que seja feito agendamento prévio.

Vale ressaltar que o beneficiário que for notificado e não apresentar a documentação no prazo de 60 dias poderá ter o benefício suspenso. Após 30 dias da suspensão, o benefício será bloqueado.

Parceria com os correios

Com o intuito de oferecer uma opção a mais para o envio das documentações, o INSS fez uma parceria com os Correios, que vai disponibilizar a carta de exigência de forma online. O serviço, chamado de ‘Entrega Digital’, pode ser acessado pelo aplicativo dos Correios. Essa plataforma permite que os beneficiários tenham acesso às correspondências, mesmo diante de situações que impossibilitam a entrega das cartas físicas, como endereços desatualizados.

“A parceria com os Correios nos possibilitará uma comunicação efetiva com o beneficiário, especialmente com a disponibilização da carta em meio digital. Desta forma, o INSS espera receber com mais celeridade as documentações exigidas na carta de exigência, o que possibilitará uma resposta mais rápida ao cidadão e, consequentemente, a diminuição de possíveis fraudes e pagamentos indevidos”, ressaltou o presidente do INSS, Leonardo Rolim.

Envio da documentação

Quem optar por regularizar a situação pelo site ou aplicativo, terá que efetuar o login no Meu INSS. Em seguida, deve escolher a opção ‘Atualização de Dados de Benefício’, anexando cópia digitalizada dos seguintes documentos: CPF, RG, certidão de nascimento ou casamento, titulo de eleitor e carteira de trabalho. A documentação tem que ser do titular do benefício, do procurador ou representante legal, se houver.

Para entregar os documentos na agência, será necessário fazer o agendamento prévio. Basta ligar para o telefone 135 e escolher a opção ‘Entrega de Documentos por Convocação’.

Outra opção é acessar o aplicativo Correios, após realizar o cadastro. Na opção ‘Minhas Mensagens’, o usuário poderá abrir sua própria caixa de correspondência digital, e verificar se foi notificado pelo INSS para entrega de documentação. Vale ressaltar que por enquanto o app só está disponível no sistema Android.

Fonte: Concurso Brasil 07/09/2020

Comentários

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui