Um homem apontado pela polícia como chefe do tráfico na localidade de Cidade Praiana, em Rio das Ostras, no interior do Rio, foi preso nesta segunda-feira (20) em cumprimento a dois mandados de prisão preventiva por tráfico de drogas e associação ao tráfico.

De acordo com a Polícia Civil, um mandado foi expedido em março e o outro em maio. A prisão aconteceu em uma casa na Rua Ceará, onde o homem estava escondido.

As investigações da 26ª DP (Todos os Santos), apontaram que o suspeito, além de chefe do tráfico de drogas, era também o responsável por abastecer drogas na região à serviço de uma facção criminosa que atua na cidade do Rio de Janeiro.

“Ele é o chefe do tráfico de drogas em Rio das Ostras. É um dos principais traficantes do Norte Fluminense. Ele é um home da cúpula da facção criminosa que ele pertence. Ele recebia drogas por uma outra rota, que não vinha para o Rio de Janeiro mas ia pro Norte Fluminense, e ele distribuía essas drogas pro Complexo do Lins, especificamente pra Favela do Gambá e pra Nova Holanda”, disse o delegado titular da 26ª DP, Túlio Pelosi.

De acordo com a Polícia Civil, toda a negociação das drogas se dava através do celular do suspeito, que também foi apreendido na operação de busca e captura. Um relógio também foi apreendido.

O homem foi encontrado e preso por policiais da 26ªDP.

“A investigação teve início por determinação da Secretaria de Polícia Civil pra que se fosse investigada cada comunidade que faz parte da área da 26ª (DP). Foram instaurados quatro inquéritos e, em um desses inquéritos instaurados, a gente teve esse sucesso repentino de ter identificado, qualificado e constatado onde ele atuava e tinha casa. Assim que a gente teve a constatação de onde ele morava, duas equipes subiram com 3 carros, dois caracterizados e um descaracterizado, esperaram o melhor momento em que ele não estaria com seguranças e que ele não tivesse armado. Exatamente pra que a prisão fosse feita sem que houvesse o disparo de armas de fogo”, explicou o delegado.

Fonte: G1 21/07/2020

Comentários

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui