Município decretou situação de emergência como medida de prevenção.

A pandemia de coronavírus fez com que diversas medidas para tentar conter a transmissão da doença fossem anunciadas em Macaé. O município e o Governo do Estado decretou situação de emergência como medida de prevenção.
Foram afetados o atendimento ao público em repartições públicas, o acesso ao público a sessões do Legislativo, realização de eventos com aglomeração de pessoas, shoppings, ocorrências policiais, aulas em universidades, cerimônias religiosas, entre outros. Vejam como os principais serviços foram afetados:

Escolas: As férias escolares foram antecipadas para acontecer entre 19 de março e 18 de abril, conforme decreto publicado pelo Governo do Estado.

Universidades públicas e privadas: Suspensão das aulas presenciais por tempo indeterminado.
Saúde: Os atendimentos médicos ambulatoriais, agendados para o turno da manhã, estão mantidos em todas as unidades das 8 às 12h. Os atendimentos agendados para os turnos da tarde e noite serão reagendados quando o funcionamento retornar à normalidade. As unidades farão contato telefônico com o usuário para o reagendamento.
As marcações presenciais no Centro de Especialidades Médicas Dona Alba, Casa da Criança e do Adolescente, Centro de Especialidades Dona Sid Carvalho e Centro de Especialidades Médicas Dr. Moacyr Santos estão suspensas por 15 dias.

Emergência Odontológica: Aberta das 8h às 20h.

Casa da Vacina: Aberta das 8h às 20h.

Shopping Plaza Macaé: A partir desta quarta-feira (18), as atividades dos shopping foram suspensas pelo período de 15 dias.Apenas a farmácia e o supermercado estarão abertos em regime facultativo. A Praça de Alimentação também permanecerá fechada.

Bancos: As agências bancárias, com exceção da 0941 do Itaú, seguem abertas com horário d funcionamento normal. Porém, o presidente do Sindicato dos Bancários de Macaé, Wagner Figueiredo, fez um apelo para que clientes só compareçam as agências em caso de extrema urgência, caso contrário, o atendimento pode ser feito pela internet, telefone e caixa eletrônico.

Polícia Federal: A Polícia Federal (PF) decidiu suspender todo o atendimento ao público em suas dependências no estado do Rio. O Mesmo os atendimentos agendados estão suspensos na superintendência, nas delegacias do interior e nos postos de emissão de passaportes a partir do dia 17. A expedição e entrega de passaportes, só será permitida a pessoas que tenham viagem marcada para até 30 dias.

Delegacias de Polícia Civil: A Secretaria de Estado de Polícia Civil informou que suspendeu o atendimento presencial em todas as delegacias do Estado, contando a partir desta segunda-feira (16), que se estenderá nos próximos 15 dias. No entanto, vão continuar sendo atendidos apenas casos de emergência como, por exemplo, homicídio, prisões em flagrante, roubo de veículo e ocorrências em que haja risco às provas. Os demais registros devem ser realizados pela delegacia online.

Comércio do Centro da Cidade: A Associação Comercial de Macaé (ACIM), sugeriu, nesta quarta-feira (18), que as lojas e empresas da região Central de Macaé, adotem um novo horário de funcionamento: das 10h às 17h. Além disso, foram sugeridas medidas como evitar aglomerações e contato físico, como também ações de higiene.

Transporte Municipal: A partir das 12h desta quarta-feira (18), motoristas do transporte coletivo em Macaé foram proibidos de transportar passageiros em pé. A medida visa a contenção da disseminação do coronavírus (Covid-19).

Transporte Intermunicipal: O Detro publicou uma portaria nesta terça-feira (17) que restringe as linhas intermunicipais de ônibus no estado do Rio. Por 15 dias, está proibida a circulação de quaisquer ônibus entre a Região Metropolitana e o interior. A medida afeta linhas regulares, coletivos fretados e veículos de turismo. No entanto, o transporte intermunicipal entre as cidades das regiões Sul e Norte Fluminense e da Região dos Lagos, continia operando, com frota reduzida.

Justiça: O Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro (TJRJ) determinou, que a partir desta segunda-feira (16) os prazos dos processos físicos fossem suspensos por 14 dias, período que pode ser prorrogados, se necessário. “Assim, os advogados e as partes não precisarão ir aos fóruns nos próximos dias. Em relação aos processos eletrônicos, os prazos correrão normalmente”. Para facilitar a adoção das medidas, as audiências e sessões de julgamento de 1º e 2º graus serão suspensas por 60 dias.

O que fazer em caso de sintomas do novo coronavírus: A equipe da Vigilância em Saúde orienta que qualquer pessoa com gripe ou resfriado deve permanecer em sua residência. Caso apresente falta de ar, tosse ou febre deve ir ao Centro de Triagem, instalada instalada no antigo Centro de Saúde Dr. Jorge Caldas. A unidade disponibiliza médico, enfermeiro, técnico de enfermagem, fisioterapeuta, recepcionista e auxiliar de serviços gerais. O local só atende até às 20h, portanto, caso apresente alguem sintoma após esse horário, o paciente deve procurar o HPM ou o Pronto-Socorro da Imbetiba.

Fonte:

Publicado

em 18/03/2020 – 16:38

Escrito por

Comentários

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui